• Breno Berman

5 dicas para um bom BI para e-commerce

No meio de todo dinamismo e movimentação do universo digital, o Business Intelligence possui papel fundamental. Podemos resumir o BI como ganho de sabedoria estratégica, um espaço de compreensão dos mercados de atuação. O BI traz a possibilidade de boas análises que resultarão em novos insights, gerando decisões mais velozes e ações corretas.



Um bom BI para e-commerce permite às empresas um melhor entendimento dos leads, iniciar segmentações assertivas e otimizar a gestão operacional da sua loja Além disso, é possível realizar a integração entre logística e SAC, possibilitando uma gestão operacional mais eficiente e uma melhor experiência on-page para os consumidores.


De acordo com os números de participação do mercado de 2020 da IDC, o mercado global de Business Intelligence atingiu US$19,2 bilhões. Estamos falando de um crescimento de 5,2%, mesmo com todas as dificuldades econômicas relacionadas à pandemia da Covid-19.


O BI se destaca cada vez mais no mercado como um facilitador no dia a dia da sua empresa. Um exemplo recente é o ocorrido com a HelloFresh, empresa alemã do ramo de alimentação. Sua adoção foi feita devido aos problemas de geração de relatórios do departamento de marketing digital e dificuldades em fazer análises, bem como desenhar novas estratégias.


Ao ser implementado, o BI automatizou a geração dos relatórios de marketing digital. A estimativa é que tenham sido economizadas entre 10 e 20 horas de trabalho manual. Logo, isso permitiu que a HelloFresh segmentasse seu público-alvo em três perfis e direcionasse seus esforços de marketing com mais assertividade.


Além disso, com o BI, a empresa conseguiu visualizações de dados e métricas em tempo real. Como consequência, a HelloFresh impulsionou suas taxas de conversão e de retenção de clientes.


Mas, afinal, você sabe o que é Business Intelligence?

Essa ferramenta é conhecida por ser uma inteligência de negócios, um método de captação, organização e tratamento de dados. O objetivo do BI é auxiliar as empresas e gestores a desenvolverem um processo de decisão mais inteligente e assertivo no comércio local, no escritório, na gestão da empresa, no marketing, ou onde for possível aperfeiçoar.


Os dados captados pelo BI sempre ajudarão a lapidar as estratégias. Esse será o passo principal para atingir o estado de perfeição na execução dos processos e alcançar as metas do seu e-commerce.


Negócios inteligentes sempre serão aqueles pensados de forma estratégica. Somente com fluxos e ideias alinhadas é possível ser produtivo e entregar serviços de qualidade ao longo dos meses.


5 dicas para um bom BI para e-commerce

Agora que você já sabe o que é o Business Intelligence e como pode se beneficiar do seu uso, vamos conhecer cinco dicas para potencializar o seu negócio. Confira:


1. Páginas otimizadas

Você sabe qual o comportamento dos usuários do seu e-commerce? Sabe como os clientes interagem com o site? Hoje, falamos muito de UX e UI, e uma usabilidade ruim em sua loja online pode ser um fator decisivo para uma sessão não acabar em conversão. O consumidor quer praticidade. Aqui, é importante prestar atenção à disposição dos conteúdos e imagens em suas páginas e na velocidade de carregamento delas.


Um e-commerce que não oferece boas opções de pagamento ou que não tenha boa usabilidade apresenta mais chances de ter um abandono de carrinho.


Com o BI, ao acompanhar os dados de navegação, é possível identificar falhas e pontos de atenção da jornada de compras. Assim, você consegue focar em suas dores e melhorar o desempenho do seu e-commerce.


2. Comportamento dos clientes

Quando falamos em Business Intelligence, falamos em coleta e análise de dados. As principais ferramentas de dados conseguem levantar parâmetros aprofundados de navegação. Assim, é possível traçar detalhadamente os perfis dos seus consumidores.


Identifique as personas da sua marca, desenhe a jornada que se adequa a cada perfil e aumente a taxa de conversão. Tendo o seu público-alvo definido, as estratégias e as campanhas de marketing conseguem utilizar os argumentos corretos que engajam os consumidores.


3. Agilidade

Com todos os seus dados, parâmetros e KPIs definidos e centralizados, ter embasamento para tomar decisões cada vez mais rápidas será comum. Como foi falado, o BI no e-commerce é a sabedoria estratégica. Assim, sua loja online será mais eficiente, com campanhas e estratégias orientadas por números.


E se o assunto é agilidade, não podemos deixar de lado a produtividade da sua equipe. Com um time mais produtivo, torna-se possível a redução de custos e otimização de processos. Entretanto, isso só será possível em plataformas de análise de negócios que oferecem insights para a empresa. Trabalhar com os dashboards personalizados facilita o desenvolvimento do seu negócio. Trabalhos e processos manuais, que levavam horas para serem feitos, agora estão disponíveis e prontos para análises e apresentações.


4. Benchmark

É muito difícil que a sua empresa seja única em seu ramo. Com plataformas como o “Similar Web” e o “Woorank”, é possível investigar e saber como os seus concorrentes estão colocados dentro do mercado. A análise da concorrência é essencial para entender e identificar novas oportunidades e gaps dos seus próprios processos.


Observar o que seus competidores têm feito é um exercício interessante para o progresso do seu e-commerce. Use e abuse do BI para obter e comparar resultados e encontrar maneiras de se destacar em relação a eles.


5. Novo olhar estratégico

Até aqui já deu para entender que, por meio do BI, tudo se torna mais acessível e prático, certo? Adotar essas práticas e uma cultura data-driven faz com que todas as áreas de seu negócio se solidifiquem. Com processos e fluxos definidos, informações aprofundadas e um maior detalhamento no dia a dia do seu e-commerce, é possível criar novos olhares estratégicos, definindo novos planejamentos e metas.


Agora que você já sabe o poder do BI no seu e-commerce, é hora de aplicar! Então passe a utilizar e a escalar de forma exponencial o seu negócio. Pense estrategicamente em objetivos e metas para alçar novos voos e ultrapassar a concorrência.

Se o seu e-commerce ainda não adota as medidas que apresentamos acima, corra enquanto há tempo. Não perca espaço no mercado. Aplicar uma estratégia sólida de Business Intelligence no seu e-commerce é a certeza de que novas oportunidades de vendas surgirão.

0 visualização0 comentário

Acompanhe as tendências do nosso mercado

Gostou dos nossos artigos? A Biso te ajuda a transformar tudo isso em realidade!
Fale com o nosso time de especialistas